Dana White critica postura de Vitor Belfort: “É difícil”

Dana mostrou clara irritação ao falar de Vitor Belfort na coletiva do UFC 183 – Reprodução

Não foi uma semana fácil para Dana White. Em meio ao UFC 183, que marcou a volta de Anderson Silva ao octógono, o presidente do UFC teve que lidar com a informação de que Chris Weidman se machucou e não poderia mais enfrentar Vitor Belfort no UFC 184, programado para dia 28 de fevereiro.
Com essa notícia em mãos, Dana tratou de buscar uma solução consultando Belfort antes de tudo. Durante a coletiva de imprensa após a noite de luta em Las Vegas (EUA), o dirigente colocou em detalhes como foi feita a negociação com o ‘Fenômeno’ e deixou claro sua insatisfação com o brasileiro.
“Vitor é o desafiante número um. Mas o Vitor é difícil. Vitor estava berrando comigo no telefone que queria um cinturão interino, que queria essa luta e queria continuar no card durante todo o dia. Eu peguei o telefone e liguei para o Lyoto Machida dizendo qual era a proposta. A primeira coisa que ele fez foi aceitar na hora. Liguei de novo para o Vitor e ele disse ‘ah, ok. Vou esperar pelo Chris Weidman’. É o Vitor, vamos ver o que acontece”, disse o presidente do Ultimate.
Apesar do descontentamento de Dana White com Belfort, o dirigente garantiu que continuará buscando uma solução para que o brasileiro lute no UFC 184, mesmo estando a menos de um mês para o evento. O dirigente também afirmou não saber quanto tempo levará para Weidman se recuperar da lesão na costela e retornar ao octógono.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *