Edinanci e Rafaela Silva conquistam Brasileiro Sênior de Judô em Manaus

Com alguns dos principais judocas do Brasil disputando o Grand Prix do Uzbequistão, o Campeonato Brasileiro Sênior de Judô, em Manaus, contou com dois destaques de gerações diferentes: a campeã mundial Rafaela Silva, de 21 anos, e a veterana Edinanci Silva, 37 anos, dona de duas medalhas de bronze em mundiais e bicampeã dos Jogos Pan-americanos.  
O maior nome em ação no sábado, na Arena Amadeu Teixeira, era Rafaela Silva, na categoria até 57kg. A carioca que conquistou o primeiro título mundial sênior de uma brasileira no final de agosto venceu todos os seus confrontos por ippon. A competição serviu como uma termômetro para os próximos torneios em que defenderá o Brasil, como o World Combat Games, nos dias 19 e 20 de outubro, na Rússia.
– Eu sou campeã mundial, mas não tinha o Brasileiro Sênior na minha categoria no meu currículo. Por isso, vim com muita vontade de ganhar. Também aproveitei pra ver como estava meu ritmo depois de 20 dias parada – disse Rafaela Silva, que mostrou estar no auge no forma. O time feminino contará ainda com Érika Miranda, Ana Carla Grincevicus, Maria Portela e Maria Suelen Altheman.
Outro que está convocado para a competição por equipes em São Petersburgo é Eduardo Katshiro (SP). O selecionável também confirmou o favoritismo entre os leves e já sonha com uma vaga entre os três nomes de sua categoria na equipe principal.
– Eu não me considerava favorito. Vim focado pra fazer aquilo que eu vinha treinando e, felizmente, consegui colocar em prática tudo que eu trabalhei. Os resultados estão vindo e quero manter esse ritmo representando o Brasil. Inclusive já coloquei na minha cabeça que essa vaga na Seletiva vai ser minha – o jovem Eduardo Katsuhiro, que completa 22 anos em novembro. Os outros nomes para a competição são Charles Chibana, Victor Penalber, Eduardo Bettoni e Rafael Silva.
Na categoria meio leve feminino, dois nomes que estão ganhando espaço no cenário nacional se encontraram na final. As jovens Eleudis Valentim (SP), representante do Brasil no Mundial ao lado de Érika Miranda, e Luana Pinheiro (MG), sparring da adversária na competição internacional e que viajará com a seleção para o Grand Prix de Qingdao (CHN) no final do mês lutaram pelo ouro. Melhor para a mais Eleudis que, apenas da pouca idade – tem apenas 21 anos – já tem mais bagagem em competições de alto nível
Edinanci supera adversárias no domingo
Já no domingo, no pesado feminino, Edinanci Silva passou pelas fortes jovens concorrentes Mayara Oishi (PR), campeã brasileira sub 23, e Rafaela Nitz, sparring da seleção no Mundial do Rio, para renovar o título de campeã brasileira.
Na classificação final por equipes, São Paulo ficou em primeiro no feminino e no masculino. Entre as mulheres, o segundo lugar ficou com Santa Catarina seguido por Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Amazonas. Entre os homens, Minas foi vice-campeão seguido por Paraíba, Paraná e Rio de Janeiro. O quadro de medalhas pode ser visto ao final da matéria bem como as chaves completas com todos os campeões.
Classificação final
Superligeiro
Feminino: 1) Patrícia Marques (SC); 2)  Amélia Souza (SP); 3) Rita Reis (AM); 3) Juliana Rodrigues (ES).
Masculino: 1) Victor Kaminari (PR); 2) José Neto (GO); 3) Rafael Lima (PB); e 3) Diego Rocha (SP).
Ligeiro
Feminino: 1) Maria Eduarda Gonçalves (RJ); 2) Nbia Santos (AP); 3) Carolynne Hernandez (RS); e 3) Lorrayna Ferreira Costa (MG).
Masculino: 1) Phelipe Pelim (SP); 2) Antônio Alves (PI); 3) Ivan Sabino (PB); e 3) Diego Ribeiro (MG);
Meio leve
Feminino: 1) Eleudis Valentim (SP); 2) Luana Pinheiro (MG); 3) Rafaela Barbosa (AM); e
3) Maria Krauss (SC).
Masculino: 1) Daniel Santos (SP); 2) Adriano Souza (AM); 3) Paulo Santos (RJ); e 3) Daniel Moraes (TO).
Leve
Feminino: 1) Rafaela Silva (RJ); 2) Laisse Souza (GO); 3) Ana Heymanns (SC); e 3) Ana Fernandes (MG).
Masculino: 1) Eduardo Katsuhiro (SP); 2) Leonardo Luz (MG); 3) Luis Henrique Carmo (RS); e 3) Adriano Arajo (RJ).
Meio médio
Feminino:  1) Veronice Chagas (RN); 2) Dione Lima (SP); 3) Laisa Santana (BA); e 3) Fernanda Arajo (GO).
Masculino: 1) Yuri Miranda (MG); 2) Dennis Barbosa (RJ); 3) Vinicius Panini (SP); e 3) Milton Miranda (PA).
Médio
Feminino: 1) Helena Romanelli (SP); 2) Thayna Silva (AM); 3) Amanda Dutra (ES); e 3) Hayssa Santos (PI).
Masculino: 1) Rubens Filho (SP); 2) Richard Costa (SC); 3) Roberto Gomes (RJ); e 3) Marcelo Filho (RS).
Meio pesado
Feminino: 1) Luciana Mazetto (SC); 2) Renata Januário; 3) Adriana Aragão (PB); e 3) Gláucia Lima (CE).
Masculino: 1) Bruno Altoé (MG); 2) Horácio Antunes (RS); 3) Hugo Coutinho (SP); e 3) Leandro Costa (PA).
Pesado
Feminino: 1) Edinanci Silva (SP); 2) Angelita Sassi (SC); 3) Rafaela Nitz (RJ); e 3) Mayara Oishi (PR).
Masculino: 1) Isaque Conserva (PB); 2) Juscelino Junior (MG); 3) Guilherme Silva (RJ); e 3) Daniel Sousa (SP).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *